Carolina Lima

As cortinas de tecido em Ambientes

10 abr

A cortina de tecido é um dos elementos mais antigos e clássicos da decoração de um ambiente. Usada com o tecido apropriado, elas reduzem o ruído vindo do exterior, amenizam a insolação tão característica de nossa cidade e dão aconchego ao ambiente.

Mas como escolher uma cortina que se adeque ao seu ambiente?

A primeira coisa a fazer é observar a janela ou porta (de correr, pivotante, de abrir, basculante, guilhotina, de canto, etc) em que ela será colocada e analisar qual tipo de cortina se adequa melhor a ela. Tem que observar se a cortina não atrapalhará a abertura, se as ferragens podem funcionar tranquilamente, e se não tem nenhum obstáculo para a sua instalação e utilização.

 

Outro item a considerar é o tipo de tecido para a confecção da cortina.  Tecidos como cetins, sedas e brocados são mais indicados para ambientes mais suntuosos com cortinas mais cheias.  Os tecidos finos como algodões, linhos e voils, possuem um uso basicamente decorativo pois não são muito eficientes para bloquear a luminosidade e para interferir na acústica, porém se usados com Blackouts passam a ter essas duas funções com eficiência. Os rendados também são mais decorativos e são utilizados em ambientes mais românticos. Os linhos tramados, brim e veludos, ao contrário dos tecidos mais leves, servem justamente para isolar bem o ambiente de seu exterior e aquecê-lo.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

                                                                                                                  

Outro importante ítem a considerar é o acessório. Atualmente existe uma grande variedade de varões, trilhos e ferragens para os diversos modelos de cortinas. Bandôs, chalés, braçadeiras e botões dão os acabamentos finais. Lembrando também do modo operacional para instalação que precisam ser pensados com antecedência, como cortineiros feitos de sanca ou embutidos no forro de gesso. 

Bandô

Hoje em dia tem-se incrementado ainda mais as cortinas com detalhes no próprio corpo do tecido, bainhas diferentes, pregas, franjas, cortinas bordadas com contas, miçangas, sementes, apliques para se colocar flores e outros detalhes que podem dar um diferencial e um toque pessoal.

                 

Escolha o tipo de cortina que mais combina com sua esquadria e mãos a obra!


2 comentários

  1. Fernando 10 de abril de 2012 at 20:49 #

    Adorei as dicas!! vou coloca-las em prática!!

  2. Simone RahamimSimone 26 de abril de 2012 at 20:11 #

    Boa noite gostaria de saber onde comprar bando para cortina aquele antigos.

Deixe o seu comentário

Política de moderação de comentários
A legislação brasileira prevê a possibilidade de se responsabilizar o blogueiro pelo conteúdo do blog, inclusive quanto a comentários; portanto, o autor deste blog reserva a si o direito de não publicar comentários que firam a lei, a ética ou quaisquer outros princípios da boa convivência. Não serão aceitos comentários anônimos ou que envolvam crimes de calúnia, ofensa, falsidade ideológica, multiplicidade de nomes para um mesmo IP ou invasão de privacidade pessoal / familiar a qualquer pessoa. Comentários sobre assuntos que não são tratados aqui também poderão ser suprimidos. Este é um espaço público e coletivo e merece ser mantido limpo para o bem-estar de todos nós.